Monchique – Mortos na GC

3 comentários

O companheiro José Rosa Sampaio, natural de Monchique, escreveu no jornal da sua terra um artigo dedicado aos conterrâneos mortos em Angola no ano de 1961.

Veja este link: jmonchique

3 thoughts on “Monchique – Mortos na GC

  1. Mário Beja Santos, ex-alferes mil. na Guiné (comandante do Pelotão de Caçadores Nativos 52), é autor dos livros Diário da Guiné 1968-1969 e Diário da Guiné 1969-1970, ambos publicados pela editora Temas e Debates.

  2. Excelente trabalho de investigação, do camarada José Sampaio, sobre os seus conterraneos mortos no ex-ultramar.
    Os meus parabens.
    M.Aldeias

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s